Rancharia

(18) 3265-1329

3 cuidados para aumentar a produção de leite em pouco tempo

Quantos litros de leite seu rebanho produz por dia? Se superar esse número é seu desafio diário, então pode continuar acompanhando as nossas dicas. Mostraremos três cuidados fundamentais para aumentar a produção de leite e ampliar sua lucratividade. Para alcançar os resultados esperados é importante lembramos que a eficiência do seu negócio está ligada ao conjunto de ações; por isso, tenha sempre a preocupação de manter o sistema funcionando de maneira equilibrada.

A pecuária leiteira se desenvolve com base em uma alimentação de qualidade, manejo adequado e genética bem-trabalhada. Um dos principais obstáculos encontrados pelos produtores é equilibrar os investimentos para ampliar a produção com o retorno para manter essa produção competitiva. As dicas que passaremos a seguir consideram essa questão. Veja:

1. Você sabia que 87% do leite são compostos por água?

Quase 90% do volume de leite produzido são compostos por água e isso mostra a importância da hidratação das vacas. Para garantir que o gado leiteiro conte com a quantidade de água necessária para manter uma produção elevada e de qualidade, tenha o cuidado de disponibilizar fontes de água limpa. Esse cuidado deve ser redobrado no verão.

2. Infestação de moscas interfere na produção de leite

As moscas podem até ser comuns na criação de gado, mas tenha atenção à quantidade. Muitas vezes acontece uma infestação tão intensa que prejudica o rendimento do gado, pois ficam estressados, passam a não se alimentar direito e gastam energia tentando se livrar das moscas. Para evitar essa queda na produção de leite, invista no manejo sanitário adequado e peça orientação do veterinário sobre os produtos que se pode usar nos animais.

3. Estresse térmico reduz a produção de leite

Períodos de calor extremo afetam a produção de leite, pois causam o estresse térmico. Os animais ficam irritados, não se alimentam bem e possuem um gasto calórico alto. Para evitar esse problema, escolha uma raça de gado com capacidade de adaptação ao clima tropical brasileiro e cuide para que a criação tenha um ambiente confortável para se abrigar em dias muito quentes.

4. Genética do gado de leite

A genética do gado de leite é um fator determinante na qualidade e no volume de produção. Por isso, para fazer sua fazenda crescer nesse mercado competitivo é fundamental investir em um processo constante de melhoramento genético do rebanho.

Para fazer isso você deve contar a genética de animais diferenciados com os da Fazenda Sant’Anna, que tem um trabalho de mais 40 anos dedicados ao aprimoramento do rebanho. Não perca a oportunidade de ter esses animais em sua produção. Acompanhe a agenda de leilões.