Rancharia

(18) 3265-1329

Como diminuir o tempo de engorda de gado

A engorda de gado é o principal objetivo da pecuária de corte. Os criadores estão sempre buscando ampliar a produção para aumentar o lucro, sendo que uma das estratégias mais usadas para isso é diminuir o tempo de preparo do gado, o que anteciparia o período de abate. A criação de gado em confinamento é uma forma de estimular o ganho de peso.

No Brasil, o tempo médio de engorda que um animal leva para atingir o peso de abate é de 18 meses em pasto, podendo ser um período maior ou menor. Esse método de criação é o mais aplicado no país por ser mais barato, apresentar bons resultados e, em geral, o produtor ter à disposição grandes áreas de pastagem. A criação a pasto é chamada de pecuária extensiva e ainda é a forma mais comum de engordar gado.

Para otimizar a produção de carne, promovendo a engorda acelerada dos animais, o sistema intensivo é o mais indicado. Nele, o criador consegue diminuir o tempo de engorda do gado e isso significa que a criação será mais eficiente e rentável. Quanto menor o tempo que o gado leva para chegar ao peso de abate, menores serão os gastos com a manutenção do animal e, consequentemente, maior o retorno financeiro.

Como funciona a pecuária intensiva?

Na pecuária intensiva, os bovinos são criados em áreas menores com estrutura apropriada para que a concentração maior de animais não atrapalhe o ganho de peso. A alimentação é feita por meio de cochos abastecidos com um alimento balanceado, e rico em energia nutrientes e vitaminas para um desenvolvimento rápido e saudável.

Um dos fatores que barra o crescimento desse tipo de pecuária é valor do investimento inicial, que é alto. Isso acontece porque o produtor deve montar uma estrutura funcional que atenda às necessidades dos animais e dos funcionários que acompanharão o rebanho. Além disso, os gastos com alimentação são maiores, pois os animais precisam contar com um alimento com base em grãos, volumoso e suplementação. Muitos produtores preferem investir na produção da própria ração e, assim, é possível economizar.

Apesar dos gastos mais elevados, o retorno também é alto e pode recuperar o investimento em pouco tempo.

Qualidade genética dos animais

A qualidade genética do gado de corte é um influenciador importante no ritmo do ganho de peso. Animais que não possuem qualidade racial e não passaram por um processo de melhoramento genético podem apresentar um desempenho muito abaixo do esperado e, então, todo o investimento em estrutura e manutenção será um desperdício.