Rancharia

(18) 3265-1329

Pecuária leiteira

A produção de leite no Brasil é destacada em todo mundo pelo alto volume e qualidade alcançada. Isso se deve a criação de um rebanho de gado de leite que passa por um constante processo de melhoramento genético, o que garante animais com alto potencial produtivo. Além disso, os criadores tem o cuidado de investir em um manejo adequado que proporcione as melhores condições para o desenvolvimento do gado. São cuidados com o manejo sanitário, nutricional e reprodutivo. Estas questões são importantes e fazem a pecuária leiteira aumentar seus índices produtivos ano após ano.

Melhor raça para pecuária leiteira

Um dos cuidados essenciais para quem quer investir na pecuária de leite é escolher uma raça bovina que apresente bom desempenho para a produção leiteira. As raças zebuínas se adaptaram muito bem ao clima tropical brasileiro, desenvolvendo animais precoces, com uma carcaça superior que garante a produção de carne e leite de qualidade.

Entre as raças zebuínas, destacamos o gado gir que é uma referência quando se fala em bovinocultura de leite. As características genéticas são importantes para o resultado final, mas vale destacar que o tipo de alimentação, manejo e cuidados com a saúde do animal fazem a diferença. O gir também apresenta bons resultados para a produção de carne.

Manejo para pecuária leiteira

Pode-se aplicar diferentes tipos de manejo na criação de gado leiteiro, porém a escolha deve levar em consideração uma série de fatores como estrutura, espaço disponível e outros pontos que interferem no desenvolvimento do rebanho.

O confinamento de bovinos é um manejo bastante usado por fazendas que investem na pecuária leiteira, pois é um sistema em que o criador tem mais controle sobre os animais. A nutrição é um dos principais fatores que influenciam na produção, por isso deve ser estudada cuidadosamente levando em consideração a idade das vacas, clima da região e outros itens importantes. O manejo nutricional na pecuária leiteira deve se pensando visando o aumento da produção de leite, o que é diferente da criação de gado de corte que busca o ganho de peso.

O sucesso da pecuária leiteira também está ligado à implementação de tecnologia na criação do gado e trabalho de profissionais qualificados. Ter uma estrutura preparada para a alimentação e ordenha das vacas é importante para evitar estresse, que tende a interferir no volume da produção.